segunda-feira, 8 de novembro de 2010

No happy ending


Mentem-te, enganam-te, iludem-te. Fazem-te acreditar que és a única, a tal, quando no entanto acabas por ser apenas mais uma. Pensas que a eternidade te espera, que o que estão a criar será para sempre e no final a eternidade que te aguardava era mais curta do que o que pensavas. Aquilo que vos unia e que te fazia sentir especial nada era senão uma ilusão formada pelo coração, pela paixão. As diferenças começam a sobressair e tudo aquilo que era constantemente criado por ambos principiou a desaparecer, os sorrisos tornavam-se lágrimas, a alegria em tristeza e o amor num coração quebrado até já não valer a pena continuar. E quando tudo termina, tropeças na vida, em todos os obstáculos, cais no chão e choras, perdes a esperança, perdes tudo aquilo que te dava motivos para lutar a cada dia, perdes a vontade. E quando consegues recuperar tudo aquilo que outrora perderas que fazes? Cometes o mesmo erro e apaixonas-te novamente, deixas-te cair novamente na irrealidade do para sempre e acreditas que será dessa vez. Mas normalmente é sempre um ciclo vicioso e tudo termina da mesma maneira: lágrimas, choro, tristeza, perda da esperança,.. Portanto hoje acordei, hoje decidi definitivamente, hoje posso dizer que deixei de acreditar em finais felizes, em felizes para sempre.

6 comentários:

  1. devias ir. é uma oportunidade única *-*

    ResponderEliminar
  2. também deixei de me acreditar no " felizes para sempre" há bastante tempo xs

    ResponderEliminar
  3. não vale a pena mesmo, só serve para nos iludir *

    ResponderEliminar
  4. isso é bem verdade xs
    porém, temos de ser sempre fortes *

    ResponderEliminar